COLETIVO SÃO PAULO-MILÀO

October 19, 2016

 

No dia 07 de março de 2016 registramos 7 canções escolhidas pelo renomado pianista italiano Antonio Zambrini para um projeto de música brasileira. Chico Buarque, Tom Jobim, Toninho Horta, Guinga, e três canções da lavra do próprio Antonio compuseram o repertório. O estúdio escolhido em São Paulo foi o ARSIS, pelo piano excelente e pela reverência ao amigo Adonias Junior que dispensa apresentações. Adonias e eu, trabalhamos conjuntamente em dezenas de outros projetos como minha Camerística de Butiquim, e os trabalhos de trio e quinteto. Violão, baixo acústico, bateria e piano, na mesma sala, sem edições, conjuntamente somente nas mãos de um técnico sensível e exemplar. 

 

Em 4 horas de gravação registramos as 7 músicas. André Santos ao contrabaixo acústico, Azael Rodrigues na bateria, e eu ao violão, registramos com Antonio um registro primordial ou em no máximo duas gravações de cada canção. Feito o disco que fora mixado e masterizado na Itália chegou o momento de lança-lo para o mundo.

 

A arte gráfica coube a mim realiza-la em um mundo de conexão onde para a informação não há fronteira. Como artista plástico pra lá de amador me dispus a encontrar meios de representar o sons, a história, de forma gráfica. Apaixonado. Estudante. Fascinado. As artes plásticas ainda são de uma aventura indelével para mim.

 

Recentemente Antonio em sua elegância e generosidade propôs que o trabalho fosse algo plural, algo coletivo. Surgiu assim com o pianista radicado em Milão, o Coletivo São Paulo-Milào propiciando novos rumos ao trabalho gráfico e ao projeto.

 

Tristemente dias depois da gravação faleceu o grande Azael Rodrigues, um dos músicos de sua geração de maior importância, amigo dos melhores. Fundador de coletivos como Pau Brasil, Premê, e Divina Increnca. Como líder ou como idealista, como pessoa que nos une, arranjador ou compositor, tanto faz, vale a espontaneidade e energia daquela pessoa responsável por esse projeto também. Que ser-humano! Que pessoa foi Azael Rodrigues!

 

O Coletivo promete atuar juntos em outros encontros tão ou igualmente frutíferos quanto esse. Com saudade do Azael. Em memória do Aza. Voa o Coletivo! Voz a amizade mais pura.

 

Disponível no Spotify, Deezer, iTunes Music e similares.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

todos os direitos reservados 2020

Ouça João Marcondes no Spotify, Deezer, iTunes Music e similares

Contato | 55 11-982296553